Por Elizangela Jubanski e Antônio Nascimento

A chuva não inibiu a violência em Curitiba e região metropolitana. Neste fim de semana foram 21 casos de mortes violentas das 18 horas de sexta-feira (20) até as 6 horas de hoje (23). Deste total, dez foram assassinadas, seis foram vítimas do trânsito, uma pessoa morreu carbonizada, uma de queimadura, uma pessoa morreu vítima de uma queda de cavalo em Campo Largo, um suicídio e uma queda.

Números

O fim de semana passado registou 27 mortes violentas. Deste total, 12 pessoas foram assassinadas, 10 morreram vítimas do trânsito, dois suicídios, duas quedas e uma queimadura.

Não resistiu

A adolescente de 17 anos que ateou fogo no próprio corpo no último dia 18 não resistiu e morreu no Hospital Evangélico neste fim de semana. Ela teria entrado em desespero quando a droga que ela consumia acabou. O caso aconteceu na rua Padre Izaías de Andrade, na favela do bairro Parolin, em Curitiba. Ela teve 85% do corpo queimado. O namorado dela, de 40 anos, tentou salvá-la das chamas, mas ela ficou internada em estado grave e acabou não resistindo aos ferimentos.