Por Elizangela Jubanski e Bruno Henrique

ceasaAs duas vítimas estão em estado grave. Foto: BH/Banda B

Um chapeiro da Central de Abastecimento (Ceasa) feriu duas pessoas com disparos de arma de fogo na manhã desta terça-feira (21), no bairro Tatuquara, em Curitiba. César Soares Ribeiro, 21 anos, sacou um revólver calibre 38 durante uma briga com cerca de dez homens e atingiu duas pessoas que estavam trabalhando no local. As vítimas foram atingidas no abdômen e foram socorridas em estado grave a hospitais de Curitiba. Ribeiro foi preso.

ceasa-dentroRibeiro foi preso em flagrante. Foto: BH/Banda B

A confusão teria sido entre o atirador e outros dez homens que também descarregavam caminhões na Ceasa. A versão de Ribeiro é que ele vem sendo furtado toda a semana por esses homens. Segundo ele, enquanto descia as mercadorias do caminhão, esses homens se aproximaram e começaram a furtá-lo. Ele, então, sacou o revólver e efetuou três disparos.

Noeli de Souza, 40 anos, que vende lanches no local, foi atingida no abdômen. Outro chapeiro, que estava distante da confusão, e identificado como Edmilson, também foi atingido, no mesmo lugar. O Serviço Integrado de Atendimento ao Trauma em Emergência (Siate) foi acionado e encaminhou as vítimas aos hospitais Evangélico e Trabalhador.

No entanto, o gerente operacional da Ceasa, que também é responsável pela segurança, afirmou que não há denúncias sobre furtos ou roubos no local. “Essa versão está estranha e provavelmente foi uma briga entre eles, mesmo, nada de furto ou roubo”, disse Anísio Askel Nazário.

A arma usava foi apreendida e Ribeiro foi preso em flagrante pela Polícia Militar (PM). Ele será encaminhado ao Distrito Policial da região.