Por Luiz Henrique de Oliveira e Antônio Nascimento

incendiodentroPedreiro perdeu tudo com o incêndio (Foto: Antônio Nascimento – Banda B)

O pedreiro Antônio Dirceu Pacheco, de 58 anos, teve a casa em que morava completamente destruída por um incêndio que garante ter sido criminoso, durante a madrugada deste domingo (23), na Cidade Industrial de Curitiba (CIC). Segundo Pacheco, sua ex-mulher há alguns meses ameaçava queimar a residência e ontem teria concretizado o prometido.

Pacheco relatou que a briga com a ex-mulher começou depois que decidiu transferir a casa em que morava para o nome da filha. “Ela não aceitava isso e ontem eu estava em um bar, quando apareceu me ameaçando e dizendo que queimaria tudo. Então de madrugada aconteceu isso”, disse o pedreiro.

Vizinhos da vítima garantiram ter visto a ex-mulher, ao lado de outra mulher e um homem, pouco antes do incêndio. “Falaram para mim que eles estavam rodando aqui. Para piorar os bombeiros demoraram a chegar e tudo foi destruído, chegando a pegar também a casa de um vizinho. Vou fazer o Boletim de Ocorrência e quero ela na cadeia”, afirmou Pacheco.

A Polícia Civil vai investigar o caso e deve juntar provas para tentar definir se, de fato, há responsabilidade da ex-mulher no incêndio.