Por Elizangela Jubanski e Antônio Nascimento

(Foto: Giro Notícias)

Um caminhão-caçamba destruiu parte do muro da Delegacia de Pinhais, na região metropolitana de Curitiba, na madrugada desta sexta-feira (12). O motorista deu a ré no caminhão, que atingiu parte da carceragem, e fugiu. A Polícia Civil acredita que o acidente foi intencional e a tentativa era arrebatar presos.

A ação aconteceu por volta das 3 horas. Assim que o caminhão atingiu o muro, outros veículos se aproximaram do local, fazendo com que os plantonistas ficassem em alerta e acionassem reforço. O superintendente Itamar disse à Banda B que a ação rápida dos policiais na delegacia frustou a tentativa.

“Eles tomaram em assalto um caminhão-caçamba em São José dos Pinhais e vieram até a delegacia, jogaram o caminhão contra o muro, derrubaram parte dele, que faz divisa com a carceragem. Eles queriam resgatar presos. Plantonistas perceberam a ação estranha, já foram para fora, efetuaram disparos de alerta e as pessoas que estavam no caminhão fugiram. A princípio eram duas pessoas, mas tinha uma movimentação intensa de veículos ao redor da delegacia. Poderia já ter um combinado entre eles para dar fuga aos presos, caso conseguissem”, descreveu.

Segundo o superintendente, há alguns presos que dizem ser de facções criminosas. “Temos dois ou três pessoas que se intitulam como sendo membros de facção criminosa, mas não podemos afirmar se seriam esses os objetivos dessas pessoas”, pontuou. A parede destruída será reformada em breve e um reforço será feito entre plantonistas no local.