Da Redação

Um cadeirante de 52 anos, acusado de transportar cigarro contrabandeado, foi preso neste domingo (8) na BR-116, a rodovia Régis Bittencourt, que liga Curitiba a São Paulo. Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), ele foi preso em uma fiscalização de rotina no quilômetro 525, no município de Barra do Turvo, no estado paulista. O cadeirante estava em um ônibus que seguia de Foz do Iguaçu para Recife e utilizava o benefício do passe livre interestadual.

cigarro116

Foto: Divulgação PRF

Ao realizar vistoria no compartimento de bagagens, encontraram uma bolsa cheia de cigarros importados, mas com falsas características de cigarros brasileiros. Através do ticket da bagagem, identificaram o proprietário da bolsa, um comerciante portador de deficiência física de 52 anos que estava a bordo do ônibus. Questionado, admitiu que comprou os cigarros em Foz do Iguaçu e os comercializaria na capital pernambucana.

Porém, ao pedir seu bilhete de passagem, o comerciante apresentou uma guia de atendimento ao portador de deficiência emitido pela empresa de ônibus, tendo em vista a sua condição física e o benefício dado pela lei.

Ao todo foram apreendidos 1000 maços de cigarros supostamente de origem Paraguaia.