Da Redação

O fim do contrato entre a Prefeitura de Araucária, na região metropolitana de Curitiba, e a empresa Pró-Saúde, que administrava o hospital da cidade desde 2008, deixou vários trabalhadores sem emprego, mas estes terão a oportunidade de regularizar suas situações e voltarem a trabalhar até mesmo no local. O hospital foi fechado na noite de sábado (2), mas a prefeitura do município já anunciou que ele deve reabrir, sob gestão agora do Instituto Bio Saúde até o dia 14.

De Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos de Serviços de Saúde de Curitiba e Região (Sindesc), eles estarão de plantão nos dias 7 e 8 de agosto no auditório do Hospital Municipal de Araucária, para realizar a homologação das rescisões de contrato de trabalho dos trabalhadores registrados pela Pró-Saúde.

A medida possibilita aos funcionários realizar novo contrato com o Instituto Bio Saúde ou buscar os direitos de uma rescisão normal de trabalho.

Os trabalhadores devem levar comprovante de endereço, RG, CPF, carteira de trabalho e extrato analítico do Fundo de Garantia. Dando a baixa na carteira profissional, os trabalhadores poderão fazer habilitação ao seguro desemprego e retirar os valores depositados do FGTS. O departamento jurídico do Sindesc estará presente nestes dois dias para prestar esclarecimentos sobre o recebimento das verbas rescisórias e demais dúvidas trabalhistas.

Para mais informações, o telefone do Sindesc é o 3222-8512.