Da Redação

Fachada_Prefeitura_-_AK_952a5731

Foto: Divulgação CMC

Tramita na Câmara Municipal projeto que pode acabar com o salário mensal do vice-prefeito de Curitiba, ficando o pagamento restrito apenas aos dias em que ele assumir ao cargo de prefeito. O projeto será avaliado pela Comissão de Legislação, Justiça e Redação nesta terça-feira (23). Caso a lei seja aprovada, passaria a valer a partir da próxima gestão, em 2017.

De acordo com a justificativa do projeto, o artigo 65 da Lei Orgânica do Município não prevê atuação do vice no poder Executivo e que a medida geraria “economia de aproximadamente R$ 680 mil reais aos cofres municipais a partir da próxima gestão”.

Atualmente, o salário do prefeito é de aproximadamente R$ 26 mil. Já o do vice, R$ 14 mil. Em Curitiba, a atual vice-prefeita Mirian Gonçalves chegou a exercer a função de secretária do Trabalho e Emprego, mas pediu exoneração em dezembro do ano passado.