Após denúncias veiculadas pela imprensa local, o vereador Edmar Colpani (PSB) voltou a questionar o funcionamento do Hospital da Polícia Militar na manhã desta terça-feira (19).

A instituição passou a atender, após convênio com o governo estadual, 120 mil servidores, além de 40 mil policiais e bombeiros. Segundo o vereador, ele recebe diversas queixas sobre o assunto, tanto em seu gabinete quanto no programa de rádio que apresenta e irá pedir novos esclarecimentos à PM.