Redação

Contrária às medidas que alteram o pacote anticorrupção, a Associação Paranaense dos Juízes Federais (APAJUFE) promove uma manifestação na tarde desta quinta-feira (1º), em frente à sede da Justiça Federal, na avenida Anita Garibaldi, no bairro Cabral, em Curitiba. De acordo com a organização, o protesto tem o apoio da AMATRA IX, da Associação dos Magistrados do Paraná (AMAPAR) e da Associação Paranaense do Ministério Público (APMP).

Os juízes decidiram se reunir para demonstrar a insatisfação com a Câmara dos Deputados que votou emendas substitutivas ao pacote de medidas de combate à corrupção, propostas pelo Ministério Público Federal, com assinatura de mais de 2 milhões de brasileiros.

Com votação expressiva e de madrugada, o projeto de Lei 4850/2016 passou pelo plenário da Casa, com emendas do deputado Weverton Rocha (PDT-MA). Ao todo, foram 313 votos a favor e 132 contra no texto que estabelece situações nas quais magistrados e membros do Ministério Público podem responder por crime de responsabilidade e abuso de autoridade foi aprovado.

Segundo os organizadores do movimento, o objetivo dos juízes paranaenses é demonstrar repúdio e indignação em relação às alterações, que além de não combaterem a corrupção, tiveram o objetivo de intimidar magistrados e membros do Ministério Público, violando a independência das carreiras.