O vice-presidente da Câmara Federal, deputado André Vargas (PT-PR), em visita à Assembleia Legislativa do Paraná na tarde desta segunda-feira (15), disse em alto e bom som que a chapa ideal para 2014 seria Gleisi Hoffmann como candidata ao governo, o depuado federal Eduardo Sciarra (PSD) como vice e Osmar Dias (PDT) como candidato ao Senado. “Gleisi é candidatíssima e lá em Brasília a direção nacional do PT sabe disso. E, para mim, a chapa ideal seria de Sciarra como vice e Osmar no Senado”, afirmou Vargas.

Questionado sob qual razão Sciarra seria o vice ideal, Vargas afirmou: “Não há dúvida que Sciarra é uma grande liderança do PSD e uma peça importante nesse tabuleiro”, completou.

O líder do PT disse ainda que, caso Osmar Dias abra mão de disputar o Senado para não enfrentar o irmão, Álvaro Dias, por exemplo, ele deve colocar o próprio nome para disputar a vaga. “Se Osmar não for candidato, eu sou”.

Vargas ainda afirmou que o PT deve fechar alianças com o PDT, PcdoB, e, quem sabe o PSD. Quanto ao PMDB, Vargas acredita em candidatura própria. “Não posso falar do partido dos outros, mas, sem dúvida, a probabilidade maior no PMDB é de candidatura própria”, disse e completou que Roberto Requião ainda é o nome mais forte do partido.