da Folhapress

Na lista de novos deputados que tomaram posse ontem na Câmara estão políticos acusados de crimes como exploração de trabalho análogo à escravidão e assassinato, além de suspeitos de participação em desvios de recursos públicos.

O delegado Francisco Tenório (PMN-AL) chegou a tomar posse em 2012 como delegado-adjunto da delegacia de acidentes de trânsito de Maceió utilizando uma tornozeleira eletrônica. O uso do apetrecho foi exigido pela Justiça após Tenório ser réu em dois processos nos quais é acusado de homicídio. O aparelho foi retirado oito meses depois.

Para ler a reportagem, clique aqui