Agência Brasil

costa

Paulo Roberto Costa Antonio Cruz/Agência Brasil

O presidente da Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) da Petrobras, senador Vital do Rêgo (PMDB-PB), solicitou nesta segunda-feira (8) à Justiça Federal do Paraná cópia dos depoimentos do ex-diretor de Refino e Abastecimento da empresa Paulo Roberto Costa, em que teria citado nomes de políticos que receberam recursos de contatos da estatal com fornecedoras. O senador também protocolou ofício com o mesmo pedido no Supremo Tribunal Federal (STF).

Preso na Operação Lava Jato e acusado de receber propina, Costa está depondo na Polícia Federal (PF), em regime de delação premiada, desde 29 de agosto.

De acordo com reportagem da revista Veja, divulgada neste fim de semana, Costa revelou nomes de parlamentares, de ministro e de ex-governadores entre os envolvidos em um esquema em negócios da petrolífera com outras empresas.

Os integrantes da CPMI já haviam aprovado a convocação do ex-diretor da Petrobras, que deve ser ouvido após a chegada da cópia dos à comissão.

Nesta quarta-feira (10), será ouvido na CPMI Nestor Cerveró, que era diretor da Área Internacional da empresa na época da compra da Refinaria de Pasadena, nos Estados Unidos.