Por Denise Mello

O vice-presidente da Câmara Federal, deputado André Vargas (PT), assumiu com todas as letras que quer disputar o Senado em 2014 e atacou o senador Álvaro Dias (PSDB), em entrevista nesta segunda-feira (23), ao vivo, no Programa Luiz Carlos Martins. “O Álvaro Não defende o Paraná. Hoje, temos um senador a favor do estado e dois contra. O Requião (PMDB) fica só no Twitter fazendo seus ataques e o Álvaro é contra tudo e todos. O Álvaro foi contra o governo de Lerner, contra o governo Requião, agora contra o governo Richa, sem falar do governo Lula e Dilma. Precisamos de um senador que defenda os direitos do estado”, disse Vargas. Segundo ele, hoje, apenas o senador Sérgio Souza (PT), suplente de Gleisi Hoffmann, trabalha pelo Paraná. “O Souza é muito atuante e é o único a trabalhar pelos paranaenses”.

luizevargas23092013

Deputado André Vargas na Banda B

O petista criticou a postura de Álvaro em relação a alguns temas relativos ao Paraná. “Ele (Álvaro) não defende o Paraná e dou exemplos. Tínhamos uma universidade federal no estado e hoje temos cinco. Nunca ouvi um discurso de Álvaro sobre esta luta. A questão das ferrovias é outro exemplo. Temos dois trechos licitados para as ferrovias no estado, que é essencialmente agrícola, e o Álvaro também nunca fez nada sobre este tema”, completou.

As declarações de Vargas foram feitas em um claro discurso de possível candidato ao Senado. Ele quer disputar o cargo em 2014, mas sabe que há barreiras para isso. Reafirmou que a ministra-chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, será candidato ao governo e que vai assumir a candidatura em janeiro porque, até lá, precisa trabalhar muito com a presidente Dilma, que “é muito exigente”, afirmou.

Com Gleisi na disputa, Vargas sonha com a vaga ao Senado e o deputado federal Eduardo Sciarra (PSD) na vice do governo. “Seria a chapa ideal. Eu do Norte do Paraná, a Gleisi da região de Curitiba e o Sciarra do oeste. Mas, sei que o PT precisa, primeiro, abrir espaço para os partidos aliados, por isso, não posso dizer que sou candidato ao Senado, ainda”, completou o vice-presidente da Câmara.

Sobre a possibilidade do ex-governador Osmar Dias (PDT), ser o candidato ao Senado, na chapa com Geisi, Vargas afirmou: “Ele seria um candidato natural, mas como o Álvaro, seu irmão, já ganhou o aval de Beto Richa para disputar o Senado, e eles declararam que nunca vão disputar  a mesma eleição, não há ainda uma definição já que é uma questão familiar”, disse Vargas.

Outro lado

A Banda B procurou a assessoria de imprensa do senador Álvaro Dias, informou as declarações do deputado André Vargas, e aguarda retorno. O mesmo foi feito com a assessoria do senador Roberto Requião, que também ficou de se manifestar.