Tão criticado, congestionamento ajuda PM a abordar homem em carro roubado na BR-116

Por Luiz Henrique de Oliveira e Djalma Malaquias

Suspeito foi abordado após ser encurralado por congestionamento (Fotos: Djalma Malaquias – Banda B)

 

Tão criticado pelos curitibanos, desta vez um congestionamento foi fundamental na prisão de um homem em um carro roubado, por volta das 9h30 desta quinta-feira (20). A perseguição começou na Rua Delegado Bruno de Almeida e terminou na BR-116, na pista sentido Curitiba, na região da Ceasa (Centrais de Abastecimento do Paraná), no bairro Tatuquara.

Suspeito foi baleado na perna por policial

Segundo o tenente Razeira, da Polícia Militar (PM), o motorista saiu em disparada ao receber voz de abordagem.

“A perseguição começou na Rua Delegado Bruno de Almeida e aqui na rodovia o motorista passou dos 15o km/h, colocando a vida das outras pessoas em risco. A fuga dele foi evitada devido a um intenso congestionamento aqui na 116, que foi fundamental e nos ajudou na prisão”, descreveu o tenente à Banda B.

Apesar de encurralado, o detido sacou de uma arma de brinquedo e acabou baleado na perna. “Ele fez menção de pegar este armamento e, para detê-lo, um policial nosso disparou no membro inferior. O carro em que ele estava tinha as placas clonadas e foi roubado nos últimos dias”, explicou.

O suspeito foi socorrido pelo Siate do Corpo de Bombeiros ao Hospital do Trabalhador e, assim que receber alta, será levado à Polícia Civil. O trânsito na região apresentou lentidão. Já apresentava antes, agora ainda mais.







Notícias relacionadas

Os comentários estão fechados.