Semana promete ser a mais fria do ano em Curitiba e região; neve pode chegar perto

Da Redação

Em 2013, neve foi registrada em alguns pontos de Curitiba. (Foto: Ana Rolim de Moura)

 

Os moradores de Curitiba e região metropolitana já podem se despedir das temperaturas mais amenas que marcaram os últimos dias. A partir desta segunda-feira (17), o tempo no Paraná deve sofrer mudanças bruscas com a vinda de uma frente fria, que se desloca com a previsão de chuvas e rajadas de vento rápidas e de pouca intensidade.

A grande culpada das quedas nos termômetros será, no entanto, a chegada de uma massa de ar polar no sul do Brasil. Segundo o Sistema Meteorológico do Paraná, o Simepar, há chance de geada negra (queima da vegetação por ação de ventos frios muito fortes) na virada de segunda para terça (18) entre o Sudoeste e Sul do estado.

Além disso, a combinação de umidade e frio favorece a ocorrência de chuva congelada e até a possibilidade de queda de neve em algumas cidades da divisa com Santa Catarina, entre o fim da tarde e início da noite de segunda – principalmente nas áreas de serras entre Clevelândia, Palmas e General Carneiro.

Nesta semana, o Instituto Foreca, modelo europeu que faz previsões para períodos mais longos, alertou para a chance de queda de neve na Grande Curitiba para terça-feira, dia em que as temperaturas prometem ficar entre 3°C e 10°C. Apesar de remota, a possibilidade não pode ser descartada.

Em Guarapuava, a mínima deve ser de -2ºC e a máxima 14°C. Em Francisco Beltrão e Pato Branco, esses números prometem ficar entre -1°C e 15°C. Já em Foz do Iguaçu, a temperatura esperada permanece entre 2°C e 16°C.

Confira a previsão completa aqui.

 

Notícia relacionada

Instituto prevê neve farta para SC e RS na semana que vem e não descarta Curitiba

 

Notícias relacionadas

Os comentários estão fechados.