Preso paga fiança de R$ 10 mil e cinco dias depois é flagrado com carro de luxo roubado

Da Redação com Polícia Civil

(Fotos: Divulgação/Polícia Civil)

Uma equipe de investigação da Delegacia de Furtos e Roubos de Veículos (DFRV) de Curitiba recuperou dois carros de luxo na tarde da última sexta-feira (17). As ações aconteceram no bairro Água Verde e no Vila Hauer. Uma mulher de 26 anos foi indiciada pelo crime de receptação e, em outra situação, um homem de 35 anos foi autuado em flagrante.

O primeiro automóvel localizado foi um Honda CRV cinza. Ele estava dentro de uma residência, onde a mulher detida foi encontrada, no Água Verde, sem as chaves e com as placas adulteradas. De acordo com informações levantadas pela equipe, o carro foi roubado no dia 1º de março deste ano, no bairro Lindóia.

No decorrer das buscas, os policiais localizaram uma Hilux preta, na Vila Hauer, quando o homem foi preso. A caminhonete havia sido roubada há dois dias no município de Fazenda Rio Grande, na Região Metropolitana de Curitiba, e já estava com os números de chassi adulterados.

O delegado titular da especializada, Wagner Holtz, afirmou que o homem preso na ação já é conhecido pela DFRV. “Nós o prendemos no dia 12 deste mês pelo mesmo crime, mas ele foi solto logo em seguida ao pagar uma fiança de R$ 10 mil arbitrada em audiência de custódia, e agora novamente o flagramos na prática criminosa”, informa Holtz.

Holtz ainda afirma que o homem responde a 12 inquéritos policiais, entre crimes de receptação, furto, roubo e um homicídio. A mulher detida na ação, foi encaminhada à delegacia e indiciada por receptação, e o homem permanece preso à disposição da Justiça.

 

 







Notícias relacionadas

Os comentários estão fechados.