Ministério da Agricultura determina intervenção nos escritórios de Paraná e Goiás

 

 

 

O ministro da Agricultura, Blairo Maggi, determinou intervenção nas superintendências da pasta no Goiás e no Paraná, onde a Polícia Federal encontrou indícios de irregularidades na Operação Carne Fraca.

Funcionários do ministério que atuam em Brasília serão deslocados para esses dois Estados com a missão de “dar uma limpa” nos procedimentos. Escutas da Polícia Federal detectaram que, nessas superintendências, funcionários foram subornados para liberar a comercialização de produtos fora das especificações e até mesmo deteriorados.

De acordo com a PF, parte das propinas pagas ao esquema eram destinadas a partidos políticos.

Notícias relacionadas

Os comentários estão fechados.