Jovem trabalhador é executado enquanto verificava pães vencidos em comércio da RMC

Por Luiz Henrique de Oliveira e Antônio Nascimento

Jovem foi executado dentro de frutaria (Foto: Antônio Nascimento – Banda B)

 

O jovem Bruno Leonardo Setim, de 19 anos, foi executado com três tiros na cabeça dentro da frutaria em que trabalhava na tarde desta segunda-feira (20) em São José dos Pinhais, região metropolitana de Curitiba. O comércio está localizado na Rua Joinville, no bairro Pedro Moro, e o atirador chegou ao local em um Fiat Ideia com alerta de roubo do última sábado (18).

Jovem foi morto com tiros na cabeça (Foto: Reprodução Facebook)

O que chama atenção no caso é que Setim não tinha passagens pela polícia e era um jovem trabalhador, conforme descreveu à Banda B o subtenente Nemer, da Polícia Militar (PM).

“O jovem verificava a validade dos pães quando o ocupante de um carro preto desceu e atirou. Em seguida, ele embarcou neste veículo com alerta de roubo e fugiu. A vítima é de boa família, o que chama a atenção no caso”, descreveu o policial.

A Delegacia de São José dos Pinhais investiga o caso. Ainda não se tem uma hipótese de motivação para o crime.

Comoção

Com mais de três mil amigos na rede social Facebook, a morte de Setim, conhecido como Gordin, gera intenção comoção. O pai dele Claudinei Setim, que foi candidato a vereador nas eleições do ano passado, comunicou aos amigos sobre a morte com o seguinte texto:

É com muita tristeza, que comunico aos amigos e familiares, o falecimento do meu filho Bruno Setim.
O velório será na capela BERTI, mas ainda não sabemos o horário.







Notícias relacionadas

Os comentários estão fechados.