Do Portal Extra

O Yahoo afirmou nesta quarta-feira que identificou uma nova violação do sistema ocorrida em agosto de 2013 e envolveu dados de mais de 1 bilhão de contas de usuários.

A empresa disse acreditar que este incidente é provavelmente diferente da violação divulgada em setembro, quando informações associadas a pelo menos 500 milhões de contas foram roubadas de sua rede em 2014.

O Yahoo, que está sendo comprado pela Verizon, disse que um terceiro não autorizado roubou dados na última violação e que estava trabalhando em colaboração com a polícia.

Para ler a matéria completa no Portal Extra clique aqui.