Por Felipe Ribeiro e Juliano Cunha

Enquanto alguns moradores sofrem na fila de espera do programa Minha Casa Minha Vida, vândalos se sentem a vontade nas casas não concluídas pela Companhia de Habitação da Lapa, na região metropolitana de Curitiba. A denúncia chegou até a Banda B nesta terça-feira (6) por uma das futuras beneficiadas que não aguenta mais essa situação que parece estar longe do fim.

De acordo com ela, que foi identificada apenas como Maria, algumas das casas do bairro Olaria II já estão construídas, mas a ação dos vândalos atrasa a entrega das demais residências. “Eles dizem que em um mês entregam, mas a pichação e destruição não deixam. É de um dia para o outro a ação, já era para elas terem sido entregues, queremos só poder morar em uma casa”, disse.

A Banda B entrou em contato com o diretor Municipal de Habitação e Urbanismo do município, Felipe Gonzaga de Carvalho, que explicou que duas empresas foram vencedoras da licitação para construir as casas. A primeira construtora entregou as 133 residências no prazo, já a segunda, que deveria ter entregado 141, teve problemas. “Estamos estipulando a entrega para o final de maio, um segurança fica lá diariamente para tentar garantir a segurança, mas esses mal educados vão e fazem depredação. Se estourar algum cano, a empresa entregará com o problema resolvido”, garantiu.

A previsão de entrega das casas está marcada para o final deste mês de maio.