Da Redação

Jovem foi morta quando entrou em borracharia (Foto: Facebook)

A estudante de farmácia Rayane Araújo da Silva foi executada a tiros nesta quinta-feira dentro de uma borracharia na região central de Anapolis, a 55 km de Goiânia. A jovem de 25 anos entrou no estabelecimento para consertar o pneu de uma motocicleta.

A informação é que Rayane vinha sendo seguida por um carro prata. O ocupante desceu e disparou seis vezes contra ela. Informações apuradas pela Polícia Civil dão conta que a jovem vinha sendo ameaçada por um ex-namorado, sendo essa a principal hipótese para o caso.

Muito querida pelos amigos, Rayane também trabalhava como analista de processos em uma indústria de medicamentos. O caso gerou intensa comoção nas redes sociais.