Por Luiz Henrique de Oliveira

A noite foi longa para os jogadores e a comissão técnica do Atlético-PR, hospedada no Hotel Bourbon, em Luque, região metropolitana de Assunção, capital do Paraguai. Tudo isso para atrapalhar o sono e a preparação do Furacão para a partida que começa às 20h desta quarta-feira (28) e terá cobertura completa da equipe de Esportes da Rádio e do Portal da Banda B.

O repórter Felipe Dutra, setorista do Atlético, fez o flagrante da festa dos paraguaios, que acontecia à 1h40 horário local. “É foguete, buzinaço e muito mais. Tocavam músicas típicas e faziam  bagunça. Não tinha como não ouvir. Até uma tenda foi armada pelos torcedores, tudo para atrapalhar o sono dos jogadores. Conseguiram”, contou.

Em entrevista após o jogo da ida, disputado na Arena da Baixada e com vitória de 1 a 0 do Furacão, o técnico Eduardo Rivera Mort, do Luqueño, disse que a torcida do Atlético teria causado o terror no hotel em que os paraguaios se hospedaram em Curitiba. “Incomodaram à 1h da madrugada com carreiras de motoqueiros e algumas coisinhas que já não são feitas no futebol”, disse.

Assista ao vídeo feito por Dutra: