Por Elizangela Jubanski

13.07.13 MARCHA DENTRO

3ª Edição pede o fim do machismo e a culpabilidade das vítimas dos abusos. Foto: Juliano Cunha/Banda B

A Praça 19 de Dezembro, no centro de Curitiba, está tomada por manifestantes para a 3ª edição da Marcha das Vadias, que acontece em Curitiba. A concentração segue rumo à Boca Maldita. Há cerca de 1,3 pessoas caminhando até o local, até então. Eles protestam contra a violência doméstica, machismo, abusos e homofobia. A Marcha pede mais respeito e, principalmente, o fim da culpa das vítimas de agressões sexuais.

O dia ensolarado ajudou algumas manifestantes que escrevam frases no próprio corpo. Entre àqueles que protestam, uma garota vestindo jeans e sutiã escreveu: Que a liberdade seja nossa própria substância. Outra garota com os seios à mostra escreveu: Tire sua opressão do meu corpo. Há mulheres e homens de todas as idades. Mais uma vez, o evento foi marcado pela rede social, Facebook.

Os manifestantes vão passar pela rua Barão do Serro Azul, Praça Generoso Marques e também pela Rua XV de Novembro, até chegarem à Boca Maldita. Ano passado, a Marcha reuniu cerca de 5 mil pessoas. Até o meio dia nenhuma ocorrência foi registrada pela Guarda Municipal (GM) e pela Polícia Militar (PM).