O Instituto Ambiental do Paraná (IAP) divulgou nesta sexta-feira (1°) o sexto boletim de balneabilidade dessa temporada. Enquanto na semana passada eram 18 os pontos impróprios para banho, agora o número subiu para 20. (Confira na imagem abaixo quais os pontos impróprios para banho no litoral)

Os locais avaliados são escolhidos de acordo com a concentração de veranistas e frequência com que são usados para recreação, pois esses são mais suscetíveis à variação da qualidade da água. O IAP alerta que tomar banho em água contaminada pode causar doenças de pele, gastrenterite e infecções nos olhos, ouvidos e garganta.

As análises laboratoriais são capazes de indicar a concentração de enterococcus na água em aproximadamente 200 metros, por isso é preciso respeitar a sinalização do IAP. As bandeiras e os totens eletrônicos são instalados no centro dessa extensão e indicam que a água está própria (bandeira verde) ou imprópria (bandeira vermelha) para banho 100 metros à direita e à esquerda.