Os servidores estaduais de saúde do Paraná protestaram na manhã desta terça-feira (26) em frente ao Palácio das Araucárias, no Centro Cívico, em Curitiba. Eles pedem a implantação de um plano de carreira para os servidores e também uma atenção especial para a database da categoria, que acontece no dia 1° de maio.

Com o grito “Chega de enrolação, queremos solução”, os manifestantes, comandados pelo SindSaúde-PR, buscaram chamar a atenção, por exemplo, do secretário da Sáude Michele Caputo Neto.

“Ele (Caputo) prometeu que iria analisar o nosso plano de carreira e até agora nada. Temos 17 pautas de reivindicação e queremos que elas sejam atendidas. Já estamos chamando a atenção agora, para que não tenhamos uma surpresa desagradável no dia 1° de maio”, enfatizou à Banda B Heloísa Helena de Souza, diretora do SindSáude-PR.

O principal item da pauta é o reajuste salarial de 13,5%. “É para acontecer um aumento real, mas como isto nunca acontece já definimos um valor para o reajuste. Queremos corrigir o desconto da previdência que aumentou de 10 a 11%”, concluiu.

A Banda B entrou em contato com a assessoria de imprensa da Secretaria Estadual de Saúde e aguarda retorno.