A Compagas, em parceria com o Instituto Brasileiro de Qualidade e Produtividade (IBQP), promoveu quarta-feira (16) o seminário “Gás Natural como Estratégia de Competitividade”. O evento foi oficialmente aberto pelo presidente da Agência Paraná de Desenvolvimento (APD), Carlos Alberto Del Claro Gloger, e pelo diretor-presidente da Compagas, Luciano Pizzatto.

Cenários estratégicos e a utilização do gás natural como insumo competitivo da matriz energética do Paraná foram discutidos. O presidente da APD chamou atenção para a necessidade de mais divulgação das vantagens do gás natural. “No momento em que as pessoas conhecem as vantagens que o gás natural oferece, o seu consumo aumenta. Hoje, é um potencial energético amplamente seguro e acessível e um grande potencializador de investimentos aqui no Paraná”, disse Gloger, na abertura do seminário.

Pizzatto comentou que há também enorme potencial inexplorado de biogás. “A Compagas já está monitorando as opções no estado para utilizar o biogás como combustível e também como fonte de energia”, comentou o presidente da companhia. “Com a busca por novas alternativas de suprimento e com a expansão da rede de distribuição nós estamos preparando o Paraná, com infraestrutura para o futuro, seguindo as diretrizes do governador Beto Richa de diversificar a matriz energética do Paraná”.

O evento contou ainda com a participação do professor convidado da Fundação Dom Cabral, Cláudio Araújo Pinto, que fez a palestra magna e do diretor técnico da APD, Henrique Ricardo dos Santos, que fez a apresentação sobre como o gás natural pode contribuir para a atração de novos investimentos no Paraná. Também participaram do seminário o presidente do IBQP, Sandro Nelson Vieira, além de profissionais da Copel, do Senai, da Agência Paraná de Desenvolvimento e convidados.