do site odia.ig.com.br

arenacopa230813

Arena Atlético – Foto: Lucilia Guimarães/IPPUC

Após visitar as obras nos estádios de Curitiba, Manaus e São Paulo para a Copa do Mundo de 2014 , o secretário-geral da Fifa, Jerome Valcke confirmou nesta quinta-feira (22) que não há tempo para mudar o número de sedes do Mundial. Serão 12. Ainda assim, Valcke cobrou Curitiba, onde a Arena da Baixada tem 75% de obras concluídas. O estádio do Atlético-PR receberá quatro jogos da primeira fase da Copa no ano que vem. As informações são do site IG/Odia.

“Não há discussão sobre 11 ou 12 cidades, a Copa será jogada em 12 sedes. Ponto final. São Paulo está indo muito bem, o gramado está lindo. Manaus está avançando e Curitiba ainda tem muito a fazer. Ainda temos alguns meses até dezembro. Pelos menos os três estádios que eu visitei estarão preparados até o dia 1º de janeiro para os eventos testes”, disse Valcke. Para manter cronograma, a Arena da Baixada não terá cobertura retrátil antes da Copa do Mundo.

Na sua entrevista, Valcke falou da alta procura de ingressos para a Copa do Mundo – já foram 2,3 milhões de pedidos nos três primeiros dias de requisição – e disse que o número é motivo de comemoração na Fifa. Por outro lado, a entidade ressaltou mais uma vez a necessidade do Brasil estar preparado para receber o evento.

“Está em nossas mãos garantir o sucesso da Copa do Mundo. A Copa das Confederações foi muito importante. Não porque o Brasil venceu, mas pela organização e o apoio recebido dos torcedores. Enfrentamos dificuldades, mas trabalhamos juntos e isso me dá o conforto de dizer que, sim, a Copa será bem sucedida. Não resta dúvida”, disse o dirigente em entrevista coletiva no Maracanã.

Notícias Relacionadas:

Comitiva da Fifa garante que Arena ficará pronta no prazo, mas sem teto retrátil