O secretário estadual para Assuntos da Copa, Mario Celso Cunha, apresentou nesta segunda-feira (18) palestra para os alunos do Curso Superior de Polícia/2013, formado por oficiais da Polícia Militar do Paraná e do Corpo de Bombeiros. Mario Celso falou aos militares a convite do tenente-coronel Nelson Argentino Soares Junior, comandante da Academia Policial Militar do Guatupê.

“É muito importante apresentar as informações dos preparativos da Copa no Paraná para uma área significativa como é a de segurança pública”, disse o secretário, que lembrou das diversas ações que estão sendo desenvolvidas pelo Governo do Estado no setor. “O governador Beto Richa já autorizou a contratação de milhares de novos policiais, entregou diversas viaturas com tecnologia embarcada e está atuando firme com as UPS e na ação de fronteira”, afirmou o secretário.

Segundo ele, no Paraná estarão atuando as forças integradas de Segurança, reunindo as polícias Militar, Civil, Federal, Científica, Corpo de Bombeiros, Defesa Civil e Guarda Municipal, além dos ‘Steward’, que são os agentes privados contratados pela Fifa. “Também contaremos com a participação das Forças Armadas, que vão utilizar cerca de 18 mil militares nas doze sedes da Copa 2014”, disse. “Os militares estiveram no Pan-RJ, Jogos Mundiais Militares e na RIO+20, e não será diferente nos próximos grandes eventos no Brasil, como Copa das Confederações, Copa do Mundo, Jornada Mundial das Juventude e Olimpíadas 2016”, completou.

Outros temas abordados foram os vants (veículo aéreo não tripulado), utilizados pela FAB para fazer vigilância territorial, com sistema eletro-óptico de câmeras infravermelhas, além de imageamento aéreo, no auxilio das operações de terra. Numa parceria do governo estadual com o Ministério da Justiça serão investidos R$ 75 milhões em equipamentos, veículos, plataformas móveis de vigilância para observação elevada e um Sistema Integrado de Comando e Controle, com instalações tecnológicas de ultima geração e atuação integrada com todas as forças de Segurança.

Segundo o tenente-coronel Soares, os oficiais que acompanharam a palestra estarão atuando nos comandos de várias unidades na capital e interior do estado e esta visão geral da preparação da Copa pelo governo estadual ajuda muito no planejamento de ações. “Nossa corporação está preparada para atuar nos grandes eventos, tanto com material humano como em equipamentos”, disse.

“O megaevento que se aproxima é mais um desafio que vamos enfrentar com a qualidade e competência do nosso trabalho”, afirmou o coronel José Wilmar Becker, subcomandante da Polícia Militar, que participou do evento.

No encerramento da palestra o secretário recebeu um diploma de agradecimento da Diretoria de Ensino e Pesquisa da Escola Superior de Segurança Pública, que foi entregue pelo coronel Douglas Sabatine Dabul. “Na próxima segunda-feira (25) estaremos repetindo a palestra para sargentos e cadetes da Polícia Militar, pois as informações apresentadas são de grande valia para todos os alunos”, ressaltou Dabul.

Também participaram do evento o delegado Silvanei de Almeida Gomes, representando a Polícia Civil, o major da PM de São Paulo, Carlos Calciolari, o coronel Élio de Oliveira Manoel, da Casa Militar, o tenente-coronel Washington Lee Abe, comandante do Batalhão de Polícia de Guarda, o coronel Milton Isack Fadel Junior, presidente da Câmara Temática de Segurança, o major Adilson Luiz Correa dos Santos, secretário-geral da Coesge, do Ministério da Justiça, e outras autoridades militares.