Da AEN

A Rondas Ostensivas de Natureza Especial (Rone), do Batalhão de Operações Especiais (Bope) da Polícia Militar do Paraná, realizou na manhã deste domingo (07) a 3ª edição da Corrida da Rone em comemoração ao seu 21º aniversário. A corrida, que iniciou às 7 horas percorreu 7 quilômetros com saída e chegada em frente ao Quartel do Comando Geral da Polícia Militar do Paraná, no bairro Rebouças, em Curitiba. Com as inscrições foram arrecadadas aproximadamente 600 latas de leite em pó que serão doadas em breve.

Segundo o tenente-coronel Rui Rota da Purificação, comandante do Bope, a cada ano a data do aniversário está sendo mais lembrada e comemorada. “O importante é fazer esta confraternização entre os integrantes da Rone e também com a comunidade. Observamos a participação de todos e a importância da condição da inscrição, revertendo-a em uma doação que com certeza será de grande valia para as entidades que receberem”, afirma.

O capitão Luiz Fernando da Silva, que participou da organização da corrida, disse que a verdadeira intenção foi fazer com que duas instituições recebam as 700 latas de leite em pó que foram doadas pelos competidores no momento da inscrição. Algumas pessoas não puderam se inscrever, pois o limite era de 300 participantes, mas mesmo assim contribuíram e fizeram sua doação. “Abrimos mais vagas neste ano devido à grande procura, no ano passado foram 200”, afirmou.

ESPECIAL – Na categoria especial Rone, o 1º lugar ficou com o sargento Anísio Eliezer Moreira, em 2º lugar o tenente Gabriel Grani, e em 3º lugar o tenente Guilherme Mosar. “O importante é completar a prova e ter saúde, e o espírito de grupo que existe na Rone nos motiva a participar cada vez mais. Também fiquei feliz por ter melhorado meu desempenho”, disse o sargento Moreira.

GERAL – O primeiro lugar geral masculino ficou com o tenente Rafael Gomes Sentone e em primeiro lugar geral feminino ficou com a tenente Caroline Costa. “Em primeiro lugar estou participando para prestigiar a Polícia Militar, pois graças a ela eu posso competir da maneira que venho fazendo. E em segundo lugar é um treino, já que no dia 3 de agosto estarei competindo na Irlanda do Norte para o Mundial de Polícia e Bombeiro”, conta o tenente Rafael Gomes Sentone, integrante do Canil do Bope.

Mesmo gripada, a tenente Caroline Costa, comandante da UPS Uberaba, foi a primeira colocada na categoria feminino. “A corrida, por sinal muito bem organizada, foi cansativa, mas valeu a pena, pois é uma maneira de prestigiar o trabalho realizado pelos policiais de Bope”, afirma. Costa, assim como o tenente Sentone, o sargento e os demais primeiros lugares já participaram da prova no ano passado.

CONVIDADOS – Apesar de já estar aposentado há 23 anos, o coronel Mário Picetskei fez questão de participar da corrida e ressaltou a importância da atividade física para uma boa qualidade de vida. “Temos que pôr na cabeça que fazer exercício nos ajuda a ter um preparo melhor”. O também militar aposentado Amilton Costa parabenizou todos os participantes da corrida. “O incentivo da minha filha [tenente Costa] foi essencial para que eu pudesse concluir a prova e em um tempo muito bom”.

Para o repórter da Rádio RB2, Anderson da Cruz Martins (convidado para participar devido ao trabalho que tem realizado de divulgação das ações da PM) participar da corrida é uma maneira de valorizar o trabalho desenvolvido pelos policiais da Rone. “É importante ter esta participação neste momento de confraternização, pois estamos no dia a dia apoiando o trabalho da Polícia Militar e agora, juntos”, ressalta.

ORGANIZAÇÃO – Participaram da corrida policiais de todos os postos, graduações e unidades da PM. Aqueles que não estiveram ativamente na prova, contribuíram com a organização e segurança do evento: Os alunos soldados e policiais do BPTran organizaram o trânsito, integrantes do Bope organizaram a prova, e o Hospital da Polícia Militar (HPM) colocou à disposição uma unidade médica móvel para acompanhar os participantes.

A prova foi Patrocinada pela Associação Vila Militar (AVM) que confeccionou as medalhas, pela Cred1000 que contribuiu com a distribuição de lanches, energéticos e água, além de participar, juntamente com o Supermercado Santos, a Elétro Burda e a Atenas da confecção das camisetas e outros brindes essenciais para a prova.