Com a aprovação na Câmara Municipal de Curitiba da proposta de reajuste salarial de 6,77%, o novo valor será pago ainda neste mês para todos os 35 mil servidores. O reajuste zera as perdas inflacionárias do período apuradas pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC). Outra medida da nova política de recursos humanos da Prefeitura aprovada na quarta-feira (17) pelos vereadores é a incorporação do Programa de Produtividade e Qualidade (PPQ) ao salário dos servidores.

A aprovação da proposta pelos vereadores foi ressaltada pela secretária municipal de Recursos Humanos, Meroujy Giacomassi Cavet, na manhã desta quinta-feira (18), durante encontro com servidores da Saúde realizado no auditório do Mercado de Orgânicos, no Mercado Municipal.

Esta é a sétima reunião realizada com servidores de diferentes sedes da Prefeitura. “A meta é conversar, diretamente, com servidores de todos os órgãos da Prefeitura de Curitiba, antes de dar prosseguimento à segunda parte das ações, que é a discussão do Plano de Cargos e Salários”, explicou.

A nova política de RH da Prefeitura de Curitiba atende à reivindicação da categoria de extinção do PPQ e o aumento do vencimento básico, englobando a incorporação de R$ 375,00 até novembro deste ano, além da instituição de Gratificação Técnica para os valores residuais.

om a incorporação do PPQ, com valor de R$ 175,00 por mês, os servidores terão ampliada a base salarial para cálculo de benefícios como 13º salário, férias e aposentadoria. Para as categorias com PPQ superior a R$ 175,00, a diferença será paga como gratificação técnica provisória, a partir da extinção do PPQ, que será completada em agosto. A medida beneficiará aproximadamente 13 mil servidores de 83 cargos.

A secretária Meroujy Giacomassi Cavet disse que essas primeiras medidas trazem avanços relevantes porque impactam no vencimento básico, na tabela de cargos e na aposentadoria. “Queremos ouvir os servidores. Saber das demandas para decidir qual o caminho a trilhar”, disse. Para isso, a Secretaria de Recursos Humanos está recebendo sugestões pelo e-mail [email protected]

Piso salarial

O superintendente da secretaria, Christian Luiz da Silva, explicou aos servidores da Saúde que a Prefeitura de Curitiba vai aumentar o piso salarial dos servidores municipais em até 55%, sobre o valor pago em janeiro deste ano. Com o aumento, que será concedido de forma gradual, ao longo de 2013, nenhum servidor ganhará menos que R$ 1.100,00. O novo piso salarial será o maior entre as capitais da região Sul e o maior entre as cidades da região metropolitana de Curitiba. O valor também é superior ao salário mínimo nacional, de R$ 678,00, e ao mínimo regional, de R$ 904,20.

O novo piso beneficiará também os aposentados e pensionistas e está entre as ações da nova Política de Valorização dos Servidores Municipais de Curitiba, elaborada pela atual gestão. aperfeiçoamento dos planos de cargos e salários.