Por Marina Sequinel

(Fotos: Banda B)

Em menos de uma semana, duas quadrilhas especializadas em furtos no comércio foram presas em Fazenda Rio Grande, na região metropolitana de Curitiba. No total, oito pessoas acabaram detidas pela polícia – entre elas, uma adolescente grávida, de 16 anos.

“Quatro mulheres entravam nas lojas, pegavam os bens sem ninguém perceber e descarregavam em um carro, dirigido por um homem. Na sexta-feira, a Guarda Municipal conseguiu impedir a fuga deles de um estabelecimento, quando já estavam em direção a Curitiba”, disse o delegado Fábio Machado dos Santos em entrevista à Banda B nesta quinta-feira (22).

Ontem (21), mais três pessoas foram flagradas cometendo o mesmo crime. “Nós monitoramos esses indivíduos e nos deparamos com eles saindo de um táxi, logo após o furto. Eles tinham cerca de R$ 5 mil em mercadoria, que já estavam sendo levadas para a capital”, completou o delegado.

Dos presos, cinco já tinham passagens pela polícia. “Eles têm habilidade para esse tipo de delito, tanto é que muitos comerciantes nem sabiam que haviam sido furtados. Só perceberam depois que nós entramos em contato e pedimos as imagens das câmeras de segurança”.

De acordo com ele, a polícia vai realizar em breve uma reunião com todos os lojistas da cidade, para capacitá-los a identificar esse tipo de crime no comércio. Os membros das quadrilhas foram encaminhados à delegacia, onde permanecem à disposição da Justiça.