Da Redação com SMCS

Reprodução

A Prefeitura de Curitiba anunciou nesta quinta-feira (2) que o Carnaval Eletrônico de Curitiba, que aconteceria no próximo domingo (5), foi cancelado. Inicialmente, a justificativa era de que a falta de efetivo da Polícia Militar para a segurança do evento ocasionou a suspensão, porém, cerca de dez minutos depois, a nota no site oficial da Prefeitura foi alterada e alegou problemas na documentação. O evento aconteceria na Avenida Marechal Deodoro e já tinha 26 mil confirmados no Facebook.

Agora, a administração municipal informa que o evento não obteve licenciamento e foi cancelado em função da falta de documentação exigida pela lei da Comissão Permanente de Análise de Grandes Eventos (Cage). Durante a reunião que aprovaria o evento nesta quinta-feira (02), os membros verificaram a falta de documentos como a liberação do Corpo de Bombeiros e a indicação de responsável técnico para a montagem da estrutura.

A Comissão Permanente de Análise de Grandes Eventos é formada por representantes da Polícia Militar, do Corpo de Bombeiros, da Secretaria de Trânsito (Setran), Procuradoria Geral do Município, Fundação Cultural de Curitiba e das secretarias municipais do Meio Ambiente, da Defesa Social e do Urbanismo.

No Facebook, o evento tinha 26 mil pessoas confirmadas para o evento. A expectativa da organização, porém, era de que até 200 mil pessoas comparecessem ao evento.