A Secretaria da Justiça, Cidadania e Direitos Humanos está contratando 1.235 agentes de cadeia pública, aprovados no Processo Seletivo Simplificado realizado em novembro do ano passado. Eles vão substituir policiais civis que cuidam das carceragens de 60 delegacias em todo o Paraná.

São 1.033 homens e 202 mulheres que vão trabalhar em nove regiões do estado. O maior número de agentes será para a região de Londrina, com 228 contratados, seguida por Maringá: 227, Curitiba: 218, Ponta Grossa: 171, Cruzeiro do Oeste: 160, Guarapuava: 81, Foz do Iguaçu: 73, Cascavel: 50 e Francisco Beltrão: 27.

Contratados por um ano, com possibilidade de ampliação de contrato para até mais 12 meses, os novos agentes passarão por curso de capacitação e começam a trabalhar no dia 1.º de fevereiro. “Com essas contratações, vamos poder assumir as carceragens das delegacias, liberando os policiais civis para seu trabalho de investigação e combate ao crime, dando maior segurança aos cidadãos paranaenses”, destaca a secretária da Justiça, Cidadania e Direitos Humanos, Maria Tereza Uille Gomes.

Os convocados para contratação temporária devem comparecer no auditório Mario Lobo, do Palácio das Araucárias, na Rua Jacy Loureiro de Campos, s/n, Centro Cívico, em Curitiba, entre 16 e 25 de janeiro. As datas e horários de apresentação dos agentes aprovados por região, bem como os documentos necessários, estão especificados no Edital 001/2013, que pode ser acessado em www.justica.pr.gov.br