Redação com Catve

Cerca de trinta policiais federais “enxugaram gelo” na manhã desta terça-feira (16) em Foz do Iguaçu, região oeste do estado, para protestar contra a falta de estrutura na corporação para combater a corrupção e impunidade.

O grupo ficou em frente à delegacia chamando a atenção ainda com faixas. O sindicato não divulga o número de policiais federais hoje atuando na fronteira, mas informa que deveria ser três vezes maior. “Esta falta de estrutura gera impunidade. Pedimos ao Governo Federal que tenha prioridade com a segurança com o aumento do efetivo e com investimento na tecnologia, pois a população está cansada do modelo de polícia repressivo”, comentou a diretora sindical de Foz, Bibiana Orsi.

Uma das preocupações dos policiais que manifestam hoje é a diminuição de recursos para órgãos federais. Este ano foi 30% menor do que o previsto. “O orçamento é uma decisão política. A PF, a PRF e a segurança em geral está sofrendo com a redução de orçamento todos os anos. É a PF que faz investigações como o mensalão e outros”, disse Bibiana.

O manifesto da PF, que é nacional, faz parte da série de protestos que vem acontecendo em todo o país faz mais de um mês. “Um grupo da PF está em Brasília na marcha para Brasília para o lançamento da Frente Parlamentar para a reestruturação da PF”, contou a diretora.

Assista a reportagem completa clicando aqui.