Por Luiz Henrique de Oliveira

A Delegacia de Campina Grande do Sul, na região metropolitana de Curitiba, prendeu nesta quarta-feira (24)Anderson Borges Friedrich, de 29 anos, o ‘Polaco’. Ele é acusado de matar a pauladas, no bairro Lagoa Vermelha, às margens da BR-116, Wesley Freitas, de 27 anos, em julho deste ano. Polaco foi detido em Matinhas, no Litoral do Paraná, trabalhando como um pedreiro em uma obra.

campina

Suspeito matou por dívida de R$ 15 (Foto: Divulgação)

Segundo o delegado Antonio Messias da Rosa, de Campina Grande do Sul, Polaco e dois comparsas levaram a vítima até uma casa abandonada e o espancaram, por conta de uma dívida de R$ 15 relacionada às drogas.

“O Polaco estava na cidade de Matinhos, na localidade de Cambará. É um rapaz perigoso, que já havia matado outra pessoa em Toledo, em 2006. Estava escondido no Litoral, morando com uma família que não sabia o perigoso que passava””, descreveu Da Rosa à Banda B.

Agora as investigações são para encontrar os outros dois envolvidos no crime. Polaco permanece preso, à disposição da Justiça.