Redação com PM-PR

Prisão de dosi dos quatro  traficantes presos em Pontal do Paraná. Os suspeitos foram encaminhados para a delegacia de Ipanema. – Foto: PM-PR

Policiais militares atuantes no “Verão Paraná 2016/2017” fizeram a maior apreensão de drogas sintéticas na manhã deste sábado (28) em Pontal do Paraná, no litoral, durante o cumprimento de mandados de busca e apreensão. Na ação foram localizados 1.225 pontos de LSD, 80 compridos de ecstasy, 3,3 quilos de maconha, 154 gramas de cocaína, 82 gramas de crack, R$ 942,00 em dinheiro, um revólver calibre 32 e duas balanças digitais. Quatro pessoas (três homens e uma mulher) foram conduzidas à delegacia.

De acordo com o Subcomandante do 9º Batalhão de Polícia Militar (9º BPM) e Coordenador Operacional do Verão Paraná, major César Kamakawa, três mandados de Busca e Apreensão foram expedidos pela Comarca de Pontal do Paraná. “A partir das 6 horas as equipes foram até este conjunto de habitações, no balneário de Shangri-lá, e cumpriram uma das ordens judiciais, sendo quatro pessoas encaminhadas, uma delas com dois mandados em aberto, um por tráfico e outro por fugir do sistema”, explica. Também foram cumpridos mandados nos balneários de Santa Terezinha e Praia de Leste.

“Ao todo, foram localizados 1.225 pontos de LSD, 80 compridos de ecstasy, 3,3 quilos de maconha, 154 gramas de cocaína, 82 gramas de crack, R$ 942,00 em dinheiro, um revólver calibre 32 e duas balanças de precisão digitais (usadas para pesar droga). Esta foi a maior apreensão de drogas sintética deste Verão Paraná 2016/2017 até o momento”, explica o major Kamakawa. “Ao retirarmos esse tipo de droga de circulação evitamos também o aliciamento de turistas para utilização dela durante a temporada de verão”, completa.

Drogas apreendidas com o quarteto – Foto: PM-PR

Ainda segundo o Coordenador Operacional do Verão Paraná, as pessoas encaminhadas, sendo três homens e uma mulher, tinham envolvimento com o tráfico de drogas e estavam relacionadas com a criminalidade na região. “Só com a retirada destas drogas de circulação também se espera uma grande prevenção no que se refere aos crimes de furto e roubo, pois muitos cometem estes crimes para ter meios para aquisição de droga ou para pagar dívidas do tráfico. Um círculo vicioso”, destaca.

Os quatro presos foram levados, juntamente com as drogas, a arma de fogo, o dinheiro e os demais materiais, à Delegacia de Polícia Civil de Ipanema para que as medidas cabíveis fossem tomadas.