Da Redação com Catve

Um professor da Universidade Federal de Alagoas (Ufal) assassinou a própria mãe, Alda Marina Antea, de 62 anos, no final da tarde da última quarta-feira (18), na BR-316, município de Satuba, na Grande Maceió. A vítima era de Maringá e morava na capital de Alagoas.

professor-mãe-190913-bandab

Tribuna Hoje

Fábio Augusto Antea Rotilli, de 33 anos, usou seu veículo New Beatle preto, para atropelar a mãe sete vezes. Uma amiga da vítima, identificada apenas como Rejane, presenciou o crime e conseguiu sair correndo do veículo. Depois de matar a mãe, o professor seguiu em direção a Maceió pela BR-316. Ao passar pela Superintendência da Polícia Rodoviária Federal (PRF), no bairro do Tabuleiro do Martins, em Maceió, Rotilli parou o carro, apresentou-se e confessou o crime.

“Não estou arrependido. Fiz na hora certa. Viver sem amor é muito ruim. Inclusive, se tiver alguma moça interessada, entre em contato comigo”, disse o professor.

Leia a reportagem completa no Portal Catve clicando aqui.