No Paraná, a 5ª Conferência Estadual das Cidades, que será realizada em Foz do Iguaçu de 13 a 15 de agosto, conta com o maior número de participação de municípios entre todos os Estados do País. Já estão consolidadas as presenças de 317 municípios e 2.468 delegados. Esta Conferência, no Paraná, é considerada a maior da história de todas as já realizadas até hoje.

O secretário-executivo do Conselho das Cidades do Paraná, Concidades/PR, Mauro Rockenbach, destaca as razões deste resultado. “Este número se deve ao esforço de toda a equipe e ao apoio do secretário de Estado do Desenvolvimento Urbano, Ratinho Junior, que também preside o ConcidadES/PR”, afirma.

Os coordenadores da Comissão, Gilmário Ferraz da Silva (executivo) e Lyana Bacil (adjunta), lembram que 4ª Conferência das Cidades contou com a presença de 310 municípios. “O número de participantes deste ano ainda deve crescer e estamos trabalhando com muito empenho e seriedade”, asseguram ambos.

Eles contam, ainda, com o apoio da Comissão Preparatória Estadual, composta por Valdir Mestriner, Osni Basílio Mendes e Rosa Maria Moura, que foram responsáveis pelo sucesso de reuniões convocatórias, já realizadas em Curitiba. “O processo da Conferência deve ser respeitado pelos Estados e Municípios”, destacou Valdir Mestriner, coordenador da Comissão Estadual Preparatória para a 5ª Conferência Estadual das Cidades.

No sábado (11) São José dos Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba, realizou a sua Conferência Municipal. Como nas demais Conferências Municipais que transcorrem pelo Paraná, em São José dos Pinhais agentes públicos e comunidade organizada avaliaram e definiram prioridades à política de desenvolvimento urbano daquele município e que serão apresentadas em agosto, em Foz do Iguaçu.

A maioria dos municípios do Paraná deixou para fazer as suas conferências neste mês de maio. O prazo legal se esgota em 1° de Junho.