Redação

palacio

Jardineiro não precisa ser britânico. Foto: Reprodução

Os jardins dos palácios de Buckingham e St. James, em Londres, no Reino Unido, estão à procura de um jardineiro altamente qualificado para cuidar das residências, onde acontecem as tradicionais “garden parties” que rainha Elizabeth II oferece a alguns de seus súditos.

O profissional ideal para a função precisa ter vasta experiência em jardinagem e uma grande vontade de admirar os gramados de ambas as residências “antes que milhões de turistas façam o mesmo”, conforme o descrito em um anúncio publicado no site oficial da monarquia britânica.

Os candidatos interessados na vaga, que estará aberta até 9 de setembro, não precisam ser britânicos, mas é fundamental que eles tenham autorização para trabalhar em tempo integral no Reino Unido e carta de motorista válida para dirigir no país. O salário oferecido é de £ 16,5 mil (R$ 70,4 mil) anuais, além de benefícios como acomodação grátis, plano de aposentadoria e 33 dias de férias remuneradas por ano.

Em abril, o Palácio de Buckingham já havia anunciado que buscava um profissional de redes sociais para cuidar das contas da monarca no Twitter e no Facebook. A vaga, no entanto, já foi preenchida.