Por Elizangela Jubanski e Antônio Nascimento

trem1

Mãe e filho de 10 anos tiveram ferimentos e foram socorridos a hospitais. Foto: AN/Banda B

Um carro foi arrastado por um trem por cerca de 100 metros na tarde deste domingo (17), em Piraquara, na região metropolitana de Curitiba. Um Renault Logan morreu sobre os trilhos do trem e o motorista desceu para tentar empurrar. A esposa e o filho de 10 anos que estavam dentro do carro tiveram ferimentos e foram socorridos a hospitais diferentes. Vizinhos correram para socorrer a família.

O acidente aconteceu na rua Domingas Gubert Zeni, no Jardim São Cristóvão, por volta das 16h. O carro, com placas de Curitiba, tentava atravessar o trilho lentamente quando morreu. O motorista desceu para tentar empurrar o carro, mas, nesse momento, o trem apontou. Em segundos, o carro foi arrastado por cerca de 100 metros. A mãe e a criança, que estavam no banco de trás, tiveram ferimentos generalizados.

A criança foi levada até a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do município por vizinhos que correram para ajudar o pai, desesperado. A mulher chegou a ser ejetada do carro, foi socorrida por meio de um helicóptero e levada ao Hospital Angelina Caron. Não há detalhes sobre o estado de saúde deles.

Uma testemunha disse à Banda B que acordou com os gritos do homem. “Ele estava desesperado, gritava por socorro, corri para socorrer a criança”, contou Marcos de Oliveira.