Um pai é suspeito de assassinar a filha na frente dos netos na região da Vila Sônia, na zona sul da capital paulista, na noite desta sexta-feira, 11. Maira Cintra Soares, de 40 anos, foi morta com dois tiros no rosto. O pai dela, Frederico Carneiro Soares, está foragido.

Mulher morreu assassinada pelo próprio pai (Foto: Facebook)

O assassinato aconteceu por volta das 20h30. Soares foi até a residência da filha e discutiu com Maira, segundo testemunhas. Durante a briga, ele atirou na direção da cabeça de Maira. Os três filhos pequenos dela presenciaram o assassinato. O crime pode ter sido motivado por uma briga por uma herança deixada pela mãe de Maira e esposa de Frederico.

Em nota, a Secretaria da Segurança Pública (SSP) informa que instaurou inquérito para investigar o caso. “O delegado titular do 89º Distrito Policial (Portal do Morumbi), Antônio Sucupira Neto, informa que investigadores estão nas ruas para tentar deter o suspeito em flagrante”, afirma a pasta.

Testemunhas também são ouvidas na delegacia. “Após os depoimentos, a polícia solicitará à Justiça um mandado de prisão temporária contra o pai da vítima”, diz a SSP.