Já pensou convidar uma visita para ir até sua residência em um almoço de domingo e precisar esperar ela em um ponto de encontro, porque se não vai ficar difícil o “rango” sair antes das 14h. Isso é só um exemplo do que acontece com os moradores da rua Adrianopólis com a João Maria Lisboa, em Almirante Tamandaré, na região metropolitana de Curitiba. Eles procuraram à Banda B para apresentar o “cruzamento que há dois anos não existe”.

Segundo a denúncia, há dois anos a Copel retirou as placas no cruzamento das ruas e nunca mais a sinalização foi colocada. “Fiz o pedido no dia 03 de março de 2011 e até agora nada, tenho o protocolo aqui. As visitas me perguntam em qual cruzamento fica a minha casa e não adianta dizer, porque não vai ter placa para eles verem”, descreveu a moradora Tereza Lisboa.

De acordo com Tereza, para as visitas chegarem até sua casa só explicando bem a situação ou pedindo para procurar no Google Mapas. “As visitas passam direto porque não acham a placa. Eu sempre tenho que explicar bem ou marcar um ponto de encontro. É ridículo ter que explicar que moro em uma rua sem placa”, garantiu.

Resposta

Por meio da assessoria de imprensa, a Prefeitura de Almirante Tamandaré informou que está há 13 dias úteis à frente da administração municipal e entre os projetos da nova gestão está incluído a remodelação e colocação de novas placas de sinalização com o nome da rua.