(Foto: Reprodução)

O comissário interino da Polícia Metropolitana de Londres, Mark Rowley, informou na noite desta quarta-feira que o número de pessoas mortas no ataque terrorista na cidade aumentou para cinco, sendo três civis, um policial e o responsável pelos atos. Segundo Rowley, o policial Keith Palmer, de 48 anos, estava desarmado. O comissário disse, ainda, que o extremismo islâmico pode ter envolvimento com o ataque.

O comissário afirmou que a polícia acredita que o suposto terrorista morto tenha sido o único responsável pelo ataque. A identidade do suspeito não foi revelada porque, segundo Rowley, a polícia acha que sabe qual é a identidade dele, mas ainda precisa fazer algumas investigações.

40 pessoas ficaram feridas no ataque, de acordo com Rowley. Ele também afirmou que os londrinos podem esperar uma presença policial mais pesada em toda a cidade nos próximos dias. “Será uma longa investigação contra o terrorismo”.