Nas dez regiões de Curitiba onde o Governo do Paraná implantou Unidades Paraná Seguro (UPS) houve redução de 24% no número de mortes violentas. O volume de roubos caiu 18% os registros de furtos apresentaram queda de 24%, segundo balanço da Polícia Militar do Paraná.

O levantamento compara ocorrências registradas no período de abril de 2012 a março de 2013, ante os dados dos 12 meses terminados em março do ano passado. O número de mortes violentas caiu de 94 para 71. O número de roubos reduziu de 840 para 691, o de furtos de 1.095 para 837. O número de apreensões por posse ou porte de arma de fogo caiu de 60 para 28, com redução de mais de 50%.

Na capital, as UPS estão instaladas nos bairros Uberaba, Parolin, Sítio Cercado, Cajuru, Tatuquara e mais cinco regiões da Cidade Industrial de Curitiba (Sabará, Vila Verde, Nossa Senhora da Luz, Vila Sandra e Caiuá).

O levantamento da PM mostra, ainda, que o reforço policial e a confiança da população fez aumentar os registros de ocorrências. Os exemplos mais evidentes são o aumento de 86% no número de detenções por perturbação da tranquilidade (211 para 393) e de 74% por lesão corporal (de 236 para 410). As apreensões por envolvimento com drogas aumentaram 30% (de 126 para 164) e a recuperação de veículos roubados aumentou de 132 para 141 (7%).

“O resultado do trabalho das UPS mostra que estamos enfrentando com firmeza a criminalidade e ampliando a segurança dos cidadãos de Curitiba, num programa bem planejado e bem executado pela nossa polícia”, afirma o governador Beto Richa. “Aumentar a segurança é o maior clamor da população paranaense e, portanto, prioridade absoluta do governo do Estado”, disse ele.

Além de Curitiba, o governo estadual já implantou UPS em Londrina e Cascavel. Nesta quarta-feira (7), Richa instala nas vilas Zumbi dos Palmares e Liberdade, em Colombo, a primeira Unidade Paraná Seguro (UPS) da Região Metropolitana de Curitiba.

Além das bases de policiamento comunitário, o Governo do Estado realiza uma série de ações de segurança que integram o programa Paraná Seguro. Entre as medidas estão a contratação de 3.127 policiais militares, civis e bombeiros. Além disso, estão sendo entregues 1.500 novas viaturas para as forças de segurança do Estado.

NORTE – As ações do Governo do Estado na área da segurança reduziram o índice de violência na região Norte. Em abril, taxa de homicídios teve queda de 28% em relação ao mesmo mês do ano anterior. “Estamos recebendo viaturas novas que facilitam e agilizam nosso trabalho, equipamentos de segurança e, principalmente, mais efetivos, já que a policia sofreu muito tempo com uma grande defasagem”, afirmou o coronel Cesar Kogut, comandante do 2º Comando Regional da Polícia Militar. Com sede em Londrina, a unidade atende 90 municípios.