Por Luiz Henrique de Oliveira

O soldado Carlos Murilo Galina, do 17° Batalhão da Polícia Militar, lotado em São José dos Pinhais, na região metropolitana de Curitiba, foi baleado pela própria mulher, no início da madrugada desta terça-feira (26). A mulher, de 26 anos, confessou que atirou três vezes contra o marido e foi presa em flagrante.

O crime aconteceu na casa do casal, na Av. Brasil, em Campo Largo, na região metropolitana de Curitiba. Após uma discussão, ela pegou a arma do marido e atirou contra a barriga dele. Em estado gravíssimo e com risco de morte, o soldado foi encaminhado ao Hospital Nossa Senhora do Rocio.

De acordo com o apurado pela Banda B junto à Polícia Militar (PM), a esposa se arrependeu do que fez e ligou ao 190 para confessar o crime. Ela está detida na Delegacia de Campo Largo, à disposição da Justiça.