Do MPPR

A Promotoria de Justiça de Nova Esperança denunciou por homicídio doloso qualificado, nesta quinta-feira, 12 de setembro, um motorista que, segundo a Promotoria, teria assumido o risco de provocar um acidente, que culminou na morte de duas jovens, pois estava embriagado.

Na madrugada de 29 de julho deste ano, o motorista seguia de Atalaia, onde havia participado de uma festa de rodeio, para Colorado, em companhia de outras cinco pessoas. De acordo com a denúncia crime, ele havia consumido bebida alcoólica, estava acima da velocidade permitida e fez uma ultrapassagem proibida, na contramão de uma curva acentuada da PR- 458. O condutor do veículo perdeu o controle da direção e o carro acabou despencando de uma ponte estreita, afundando no rio Pirapó. Ele e outros três passageiros conseguiram se salvar, mas duas jovens que estavam no carro, uma de 15 e outra de 18 anos, morreram afogadas.

A Promotoria de Justiça sustenta que o motorista teria assumido o risco de produzir o acidente e, por isso, ele foi denunciado por homicídio doloso qualificado. O MP pediu também que a habilitação do motorista seja suspensa por medida cautelar.