Por Luiz Henrique de Oliveira e Antônio Nascimento

O pequeno David José dos Santos, de um ano e seis meses, morreu no Hospital Cajuru, em Curitiba, na madrugada desta terça-feira (9). Ele ficou quase oito horas internado, após ser atropelado pelo vizinho em Itaperuçu, na região metropolitana de Curitiba. Segundo a Polícia Militar (PM), Valdeni Moreira dos Santos, de 54 anos, dirigia embriagado quando causou a tragédia.

De acordo com o apurado pela Banda B, o menino brincava com a tia e a avó na frente de casa, quando o vizinho em um Peugeot passou por cima do menino. Valdeni tentou fugir, mas foi detido pela PM em seguida. Ele foi encaminhado à Delegacia de Rio Branco do Sul, onde o teste do bafômetro apontou 1,03 mg/l de álcool no sangue.

O sargento Mauro, do Corpo de Bombeiros (CB), foi quem prestou atendimento ao menino. Ele lamentou pelo fim trágico da situação. “Durante o socorro, o garoto estava aparentemente bem e consciente, mas pode ter acontecido ferimentos internos. É muito triste quando esse tipo de situação acontece”, disse à Banda B.

O corpo do menino foi recolhido ao Instituto Médico Legal de Curitiba (IML). O clima em Itaperuçu é de comoção pela morte de David.

Outro

O pedreiro Geremias Rodrigues, de 55 anos, também foi atropelado por um vizinho alcoolizado, na noite desta segunda-feira (8). A situação aconteceu na Rua Vicente José Palazzio, no bairro Santa Cândida, em Curitiba.

pedreiro

Pedreiro sofreu ferimentos nas pernas (Foto: Bruno Henrique – Banda B)

Segundo o Corpo de Bombeiros (CB), o pedreiro estava na calçada quando foi atingido pelo carro do vizinho, um Pampa. Ele sofreu ferimentos nas pernas, após ficar prensado contra o muro, e foi encaminhado ao Hospital Cajuru.

Já o motorista embriagado foi levado à Delegacia de Delitos de Trânsito (Dedetran).