Por Luiz Henrique de Oliveira e Antônio Nascimento

O menino de cinco anos, atacado e arrastado pela calçada por um Pitbull mestiço, no início da manhã de ontem (21), recebeu alta do Hospital Pequeno Princípe, onde estava internado, e já está em casa. No fim da tarde de ontem, após uma cirurgia para reconstrução do cotovelo, o garoto foi liberado pelos médicos e voltou para casa, no bairro Parolin.

crianca-pitbull

Menino de cinco anos voltou para casa (Foto: Antônio Nascimento – Banda B)

Segundo Neuci Nascimento, mãe do menino, a notícia boa é que ele não precisou passar pela cirurgia de reconstrução facial. “Apesar disso, terá sequelas e marcas que vão ficar para sempre, até mesmo no rosto. Ele passou a noite bem, mas falou muito pouco e parece estar traumatizado”, contou à Banda B.

A mãe também relatou que os donos do cachorro afirmaram que não vão ajudar em nada na recuperação do menino. “Eu vou fazer um Boletim de Ocorrência por lesão corporal e levar este caso até o fim. Meu menino estava indo para a aula e simplesmente foi atacado do nada”, disse ela.

Cão resgatado

Um grupo de protetores animais denominado WeLoveDogz resgatou por volta das 17 horas desta ontem (21) o Pitbull mestiço que atacou um menino de cinco anos no bairro Parolin, em Curitiba. De acordo com uma representante do grupo, o cachorro estava preso e vários moradores queriam linchá-lo.

Notícias Relacionadas:

Protetores resgatam cão que atacou menino; animal estava preso e ia ser linchado

Menino de cinco anos atacado por Pitbull vai passar por cirurgia de reconstrução facial

Pitbull foge de casa e arrasta criança de cinco anos por calçada da Brigadeiro Franco