Por Luiz Henrique de Oliveira e Djalma Malaquias

Um locatário de 39 anos e um funcionário de 40 morreram nesta quarta-feira (7) e o caso mobilizou as Policiais Civil e Cientifica. Ambos estavam nas imediações de um barracão de recicláveis na Rua Professor Plácido e Silva no bairro Parolin, em Curitiba, quando as mortes aconteceram.

bombeiros-2

Dois homens morreram contaminados (Foto: Djalma Malaquias – Banda B)

Inicialmente, o caso é tratado como uma infeliz coincidência, porém o fato dos dois terem morrido no mesmo dia chamou a atenção de socorristas que acionaram a Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). A suspeita era de uma contaminação, o que não foi constatado preliminarmente por peritos da Polícia Cientifica.

Antônio Ribeiro conhecia as duas vítimas. Ele relatou que a primeira morte aconteceu por volta das 8h30, quando o funcionário descarregava um caminhão e se sentiu mal. A segunda foi por volta das 13h30, a uma quadra do barracão, quando o locatário que tinha ido ao local passou mal dentro de um carro.

“Foi uma infeliz coincidência. Aqui trabalham dezenas de pessoas. Se fosse uma contaminação todos teriam morrido. A perícia não constatou nada”, opinou.

Para ter certeza da causa da morte, uma perícia será realizada no Instituto Médico Legal de Curitiba (IML).