Quatro jovens que faziam o Caminho do Itupava, na Serra do Mar, e estavam desaparecidos desde domingo (12) foram encontrados nesta segunda-feira (13) por uma equipe do Instituto Ambiental do Paraná (IAP). A equipe acionou e auxiliou o Corpo de Bombeiros nas buscas que começaram nessa manhã. O grupo foi encontrado no fim do trajeto próximo a Morretes e todos passam bem.

Os jovens, entre 17 e 19 anos, informaram no início do Caminho do Itupava durante o cadastro junto ao IAP que iriam almoçar em Morretes e retornar a Curitiba (local de origem) no domingo. Eles contaram às equipes de resgate que atrasaram o retorno porque resolveram acampar na trilha, porém não comunicaram suas famílias e nenhum ponto de apoio do órgão ambiental no Parque Estadual da Serra da Baitaca ou do Parque Estadual Pico do Marumbi. O caso está sendo conduzido pelo Corpo de Bombeiros.

ALERTA – O Instituto Ambiental do Paraná alerta sobre a importância de preencher corretamente o cadastro do órgão antes de fazer qualquer trilha em suas Unidades de Conservação. Também é recomendado para que os turistas e aventureiros que forem percorrer trajetos em mata fechada andem em grupos, além de comunicar os familiares e a entidade responsável pela área durante o trajeto, levando um aparelho de celular carregado para emergências.

CAMINHO DO ITUPAVA – O Caminho do Itupava é um trajeto histórico e de grande importância ecológica que liga o Parque Estadual da Serra da Baitaca e o Parque Estadual do Marumbi. O Caminho foi, por muitos séculos, a principal ligação entre a planície litorânea e o primeiro planalto paranaense.